Colorectal Cancer in the Course of Familial Adenomatous Polyposis Syndrome ("de novo" Pathogenic Mutation of APC Gene): Case Report, Review of the Literature and Genetic Commentary | oneFAPvoice

bem-vindo à oneFAPvoice

- uma comunidade de polipose adenomatosa familiar com carga positiva.
  • Junte-se hoje!
artigos científicos

Colorectal Cancer in the Course of Familial Adenomatous Polyposis Syndrome (“de novo” Pathogenic Mutation of APC Gene): Case Report, Review of the Literature and Genetic Commentary

informação chave

fonte: Archives of medical science

ano: 2010

autores: Stec R, Pławski A, Synowiec A, Mączewski M, Szczylik C

resumo / resumo:

Colorectal cancer (CRC) is one of the most common malignant tumours in Poland. Annually approximately 11 000 new cases of CRC are diagnosed, while the number of deaths caused by CRC approaches 8 000. Five-year survival does not exceed 20%. Familial adenomatous polyposis (FAP) is responsible for about 1% of new cases of CRC. The risk of CRC in FAP syndrome is 100%, and the average age of CRC development is 39 years. Early colectomy is the most effective method of CRC prevention. We report an atypical case of CRC in a patient with FAP caused by 2797-2800delAACA mutation of the APC gene.

organização: Warsaw Military Institute of Medicine

DOI: 10.5114/aoms.2010.13911

Leia mais

Para melhorar sua experiência neste site, usamos cookies. Isso inclui cookies essenciais para o funcionamento básico do nosso site, cookies para fins analíticos e cookies que nos permitem personalizar o conteúdo do site. Ao clicar em 'Aceitar' ou em qualquer conteúdo deste site, você concorda que os cookies podem ser colocados. Você pode ajustar as configurações de cookies do seu navegador para se adequar às suas preferências.
Mais informação

As definições de cookies neste site está definido para "permitir cookies" para lhe dar a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este website Sem mudar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" Abaixo o então você Consentir esta.

Fechar